Comércio, Indústria E Turismo Iniciam As Contratações Temporárias De Final de Ano

09/09/2019

 

 

Estamos em contagem regressiva para as festas no fim de ano e a indústria, o comércio e o turismo já estão de olho nas vendas. Visando o aumento da demanda, as empresas recorrem ao trabalhador temporário. É, para muitas pessoas sem experiência,  uma oportunidade de driblar o desemprego,  e quem sabe até conseguir uma vaga definitiva depois da experiência sazonal.

A movimentação de contratações em curto prazo, principalmente nos sistemas de produções, começou em agosto já.

 

Com  o entusiasmo do comércio e da indústria para datas como Dia das Crianças e o Natal, a Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Asserttem) prevê a criação de mais de 570 mil oportunidades temporárias até o fim do ano no Brasil,  e  no Distrito Federal, a estimativa é da abertura de 2.822 vagas. Em 2018, no mesmo período, foram contabilizados cerca de 500 mil postos nacionalmente. No ano passado, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) calculou a contratação de mais de 72 mil pessoas apenas na área comercial. A entidade ainda não tem estimativa para este ano. O esperado é de que outubro e dezembro deste ano sejam os meses com maior índice de chances, devido ao Dia das Crianças e o Natal. Trata-se de contratos temporários baseados na Lei nº 6019/1974, que pode ser utilizada em diversos setores e para qualquer tipo de ocupação. “Em agosto e setembro, as indústrias começam a contratar. Já em outubro e novembro, é a vez do comércio”, explica Mara Fortes, diretora regional da Asserttem no DF.

Estas vagas são conhecidas como sazonais mas há também as vagas  por substituição de cargos, essas contratações podem ocorrer em todo o ano, principalmente quando um funcionário se afasta da função por determinado período, por exemplo, para tirar licença-maternidade. Mara observa que há ainda, outro motivo para a abertura de vagas em curto prazo. “Em meio a crise econômica, o número de contratações de temporários aumenta. Isso ocorre porque as empresas ficam receosas e contratam funcionários  temporários, enquanto esperam a reação do mercado.”

 

Oportunidades

 

Empresas de ramos diversificados se preparam para recrutar temporários a partir de agosto.  Na empresa de soluções em recursos humanos Luandre, 350 oportunidades vão ser ofertadas, com salários entre R$ 1 mil e R$ 6 mil.  Eles já estimam um crescimento de 30% nas contratações em curto prazo no fim de 2019, comparando com 2018. “Ao longo do ano, a busca de vagas temporárias correspondem a 45% do total das pesquisas no nosso site. No fim, a procura fica maior do que isso porque este período sazonal já é conhecido”, afirma Bárbara Alves, gerente de RH da Luandre.

A maioria das ofertas temporárias em agosto foi para a indústria, onde o sistema de produção para as vendas de fim de ano costuma ser iniciado. “Esse formato de contratação também possibilita à empresa avaliar o profissional que mais se adéqua ao cargo oferecido a partir do trabalho exercido durante o período de contrato, evitando, assim, turnovers (alta rotatividade de funcionários)”, explica Bárbara. A gerente também conta que algumas empresas “aguardam o aquecimento das vendas para aumentar a equipe e evitar reflexo negativo no atendimento”.

 

Para o CEO da plataforma de empregos e capacitação TAQE, Renato Dias, as contratações temporárias são importantes para instituições mesmo fora das sazonalidades. “É interessante que as empresas aproveitem esse movimento para avaliar novos colaboradores. Caso eles se saiam bem, os diretores podem até renovar as equipes”, explica. As empresas atendidas pela TAQE afirmam que 40% dos empregados acabam sendo efetivados e, neste fim de ano, a plataforma prevê a oferta de 500 oportunidades.  Para ele, as chances também podem beneficiar os desempregados em longo prazo. “Tenho segurança de que a maioria dos candidatos prefere uma vaga definitiva, mas o contrato temporário acaba sendo uma grande oportunidade para se reinserir ou entrar pela primeira vez no mercado de trabalho”, afirma. Renato  dá algumas dicas para quem quer ser efetivado: “É importante que o candidato mostre alto nível de compromisso e engajamento com a empresa, além de manter boa relação com os colegas”.

 

 

 

 

Já segue nosso Instagram? Segue lá e participe dos nossos sorteios e saiba tudo que acontece em Águas Claras. @aguasclarasmidia

 

Contribua para a melhoria e desenvolvimento de nossa cidade! Participe do Grupo de Águas Claras Mídia de Moradores no WhatsApp – Envie nome, endereço e telefone para: contato@aguasclarasmidia.c

om.br  

 

Sitewww.aguasclarasmidia.com.br
Facebook: www.facebook.com/aguasclarasmidia
Instagram: www.instagram.com/aguasclarasmidia
Twitterwww.twitter.com/aguasclaramidia
Youtube: www.youtube.com/aguasclarasmidia

 

Águas Claras Mídia – Sua Cidade em um Click

 

AguasClarasMidia #AguasClaras #AguasClarasDF

Compartilhe no Facebook
Compartilhe noTwitter
Please reload

Posts Em Destaque

Presidente da Câmara Legislativa do DF recebe digitais influencers para um café